GracieMag News

Cowboy Cerrone e Yancy Medeiros analisam luta principal do UFC deste domingo

Donald e Yancy fazem a encarada na pesagem simbólica do UFC Austin. Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC via Getty Images

Para o fã de MMA que sentiu falta de um belo card nesse sábado, vale avisar que este domingo, dia 18 de fevereiro, é dia de UFC em Austin, com transmissão ao vivo pelo Combate. Na luta principal, dois agressivos pesos meio-médios se encaram, em luta que promete esquentar o octógono do Ultimate.

De um lado, Donald “Cowboy” Cerrone traz sua experiência e coleção de bônus da noite para a batalha. Do outro, o havaiano Yancy Medeiros, conhecido por sua habilidade no solo e ritmo incansável de reviravoltas no cage, tem contra Cerrone a sua chance de colocar de vez o seu nome entre os melhores da divisão até 77kg.

Confira nos vídeo abaixo as impressões de Cerrone e Medeiros para a luta principal desta edição do UFC, que conta ainda com os brasileiros Thiago Pitbull, Francisco Massaranduba e Carlos Diego. O evento vai ao ar, ao vivo e com exclusividade no Combate, a partir das 19h50h.

Matt Mitrione avança no GP de Pesados e Patricky Pitbull nocauteia no Bellator 194

Mitrione foi melhor em dois assaltos, mas quase foi superado no terceiro. Foto: Bellator

Em noite recheada de lutas, nessa sexta-feira, dia 16 de fevereiro, o Bellator 194 esquentou a tela dos canais Fox Sports com grandes emoções. Na luta principal do card, Matt Mitrione superou Roy Nelson em decisão apertada.

No duelo, Mitrione teve as melhores ações. Nos dois primeiros assaltos, tocou mais, teve mais volume na movimentação e seus golpes foram mais agressivos. Nelson, com seu jogo de finta e overhand não foi capaz de equilibrar na trocação. No fim das duas primeiras etapas, Roy derrubou, trabalhou por cima, mas não conseguiu desequilibrar ao seu favor. No terceiro round, Nelson tratou de derrubar nos primeiro minutos e castigar por cima, do crucifixo. Mesmo com a pressão na reta final, a decisão ficou para Mitrione.

Um dos três jurados, pela crescente de Nelson no terceiro assalto, marcou um 10 a 8 para o barrigudo, deixando a soma em 28-28, mas ou outros dois pontuaram 29-28 para Mitrione, que avança no GP e pega o vencedor de King Mo Lawal x Ryan Bader, luta esta que acontece em maio.

Na luta coprincipal, Patricky Pitbull voltou a encarar Derek Campos, antigo adversário que já havia superado no cage do Bellator. Em replay da luta anterior, Patricky botou sua forte trocação para funcionar e a vitória por nocaute técnico mais uma vez foi ao seu favor, desta vez logo no primeiro assalto.

Outro destaque ficou para o nocaute relâmpago do brasileiro Regivaldo “Handstone”, que despachou Tom English aos 17 segundos do primeiro assalto, como você pode rever no vídeo abaixo. Confira, logo em seguida, os resultados completos do Bellator 194!

Uma publicação compartilhada por Bellator MMA (@bellatormma) em 16 de Fev, 2018 às 5:38 PST

Bellator 194
Connecticut, EUA
16 de fevereiro de 2018

Matt Mitrione venceu Roy Nelson na decisão majoritária dos jurados
Patricky Pitbull venceu Derek Campos por nocaute técnico aos 2min23s do R1
Heather Hardy venceu Ana Julaton na decisão unânime dos jurados
Vadim Nemkov venceu Liam McGeary por nocaute técnico aos 4min02s do R3
Tywan Claxton venceu Jose Perez por nocaute técnico aos 3min39s do R2
Pat Casey venceu Tyler Hamilton na decisão unânime dos jurados
Kastriot Xhema venceu Peter Nascimento por nocaute técnico aos 3min52s do R1
Marcus Surin finalizou Dean Hancock no triângulo de mão aos 4min50s do R2
Jarod Trice venceu Walter Howard na decisão majoritária dos jurados
Regivaldo nocauteou Tom English aos 17s do R1
Michael Kimbel venceu Geoffrey Then por nocaute técnico a 1min03s do R1
Ross Richardson venceu Ron Leon por nocaute técnico a 1min41s do R2

Renzo Gracie, Ryan Gracie, Jorge Macaco e os “valores da inimizade”

Os irmãos Ryan e Renzo Gracie. Foto: Arquivos GRACIEMAG

Arte inclusiva em muitos aspectos, o Jiu-Jitsu além de aprimorar a mente e o corpo dos seus praticantes, ajuda também aqueles mais introvertidos a conhecer pessoas novas, fortalecer laços e cultivar grandes amizades. Renzo Gracie, famoso por seu alto astral e conhecimento vasto da arte suave, tem amigos a perder as contas, mas para o sábio professor, um fiel inimigo pode ter grande valia no crescimento do praticante, nos tatames e na vida.

Para Renzo, não há motivação maior do que um grande rival para que você se torne cada vez melhor, sem conforto, pronto para encarar as adversidades assim que elas aparecerem. Como exemplo disto, o professor citou a rivalidade entre o irmão Ryan Gracie e Jorge Patino Macaco.

“Um inimigo de verdade, o inimigo mais leal que o meu irmão Ryan Gracie teve se chama Jorge Patino Macaco”, disse Renzo. “Brigaram várias vezes, onde se viam se pegavam. Ele foi o motivo pelo qual o Ryan se manteve treinado. Se o Ryan foi o que foi, o Macaco ajudou muito. Ele tinha que estar afiado e é isso que o te faz grande. Eu queria ter mais gente assim na minha vida.”

Mesmo com toda a rivalidade entre ele, Renzo falou também do respeito que um teve com o outro, em especial por parte de Macaco após o falecimento de Ryan, em 2007.

“Você já ouviu o Macaco falar mal dele? Já ouviu ele botar o Ryan para baixo depois dele ter falecido ou contar vantagem? Mas isso porque ele pertence ao Jiu-Jitsu, é da bandeira do Jiu-Jitsu. As pessoas as vezes estranham o carinho que eu tenho com o Macaco. Eu agradeço a ele.”

Outro exemplo de respeito e admiração pelo inimigo é dado com um exemplo do próprio Renzo com uma antiga professora, que não via um futuro brilhante para o aluno. O espirituoso professor teve um jeito peculiar de provar o contrário, desafiando as previsões da professora, mas sem desgostar da mesma.

“Eu ajudo até hoje uma professor que dizia que a luta me levaria para a prisão ou para o cemitério. Até hoje, quando eu escrevo um livro eu mando para ela uma cópia e um cartão: ‘Assim que teu livro for escrito, por favor, me manda uma cópia.’ Podem achar que é maldade minha, mas ela certa vez precisou operar o joelho e eu mandei, por um amigo, o dinheiro para ela realizar a cirurgia. Quero que ela continue pensando mal de mim. Eu preciso de inimigos, de amigos eu estou cheio!”

E você, amigo leitor, tem um rival que sempre traz o melhor de você? Comente conosco!

O dia em que Flávio Canto persistiu como Ronaldo Jacaré, no judô

Flávio Canto, ídolo no esporte brasileiro. Foto: Divulgação

Medalhista olímpico no judô e referência brasileira no esporte, Flávio Canto escreveu seu nome e foi um dos mais respeitados atletas na modalidade. Fera também no Jiu-Jitsu, arte que usou com sucesso para ajustar suas finalização no judô, Flávio realizou grandes batalhas no tatame, algumas delas que entraram para a história.

A que relembramos hoje, porém, não se trata da conquista de um ouro, e sim da vitória da mente sobre o corpo e o respeito do atleta para com o nível competitivo. Aconteceu nos Jogos Pan-Americano de 2007, realizado no Rio de Janeiro. No duelo, que valia vaga na final do peso meio-médio (até 81kg), Canto encarou o judoca bom de Jiu-Jitsu Travis Stevens (EUA).

Após o equilíbrio na disputa dentro dos primeiro minutos, Travis aplicou uma queda no qual Canto caiu de mau jeito, por cima do cotovelo, e acabou por fraturar o mesmo. A dor, no entanto, foi ignorada pelo brasileiro, que volout ao centro do tatame par reiniciar o combate, em gesto de esforço e respeito. Stevens aplicou nova queda e venceu a disputa por ippon.

Veja o lance no vídeo abaixo e supere os seus limites!

Roy Nelson x Matt Mitrione e Patricky Pitbull agitam o Bellator 194, nesta sexta-feira

Banner com a luta principal do Bellator 194. Foto: Reprodução/Youtube

O fã de MMA tem motivos de sobra para ficar ligado nos canais Fox Sports na próxima sexta-feira, dia 16 de fevereiro. O Bellator 194, transmitido ao vivo e com exclusividade a partir das 21h, traz no seu card duelos que prometem tirar o fôlego de seus assinantes.

Na luta principal, Roy Nelson e Matt Mitrione lutam para avançar no GP de Pesados da organização, que já tem Chael Sonnen garantido na próxima fase, ao superar Rampage Jackson na abertura do GP, que ainda conta com nomes como Fedeor Emelianenko, Frank Mir, King Mo Lawal e Ryan Bader.

Nelson e Mitrione já se enfrentaram outrora, há cinco anos, mas a situação de ambos os atletas está muito diferente nos dias de hoje. Mais rápido e com melhor resistência física, Mitrione pode usar de sua agilidade para superar Nelson no volume de jogo. Já o “Big Country” conta com seu poderoso e temido overhand no quesito trocação, sem falar no jogo de Jiu-Jitsu afiado por Renzo Graciepor muitos anos.

Na luta coprincipal, o Patricky Pitbull psia no cage circular e encara Derek Campos na divisão de pesos leves. Os dois competidores já se enfrentaram no Bellator, e a revanche promete ser explosiva. No encontro anterior, Patricky venceu com um belo nocaute. Agora, o brasileiro chega embalado por dois sucessos consecutivos (sobre Josh Thomson e Ben Henderson) para superar mais uma vez Campos, que vem em forte retrospecto com quatro vitórias seguidas na organização.

Ainda no card, nomes Liam McGeary, ex-campeão dos meio-pesados, e Heather Hardy, campeã mundial de boxe que migrou para o MMA, prometem trazer um tempero a mais para a noite de lutas. A narração será de Éder Reis e os comentários de Mário Filho. Confira abaixo o card principal do Bellator 194 e fique ligado nos canais Fox Sports para não perder detalhes do evento!

Bellator 194: Nelson x Mitrione
Uncasville, Connecticut-EUA
16 de fevereiro de 2018

Matt Mitrione x Roy Nelson
Patricky Freire x Derek Campos
Liam McGeary x Vadim Nemkov
Heather Hardy x Ana Julaton
Tywan Claxton x Jose Antonio Perez

Jiu-Jitsu: Ajuste o estrangulamento na finalização de Lucas Pinheiro no Houston Open

Lucas prepara o ataque no pescoço. Foto: Reprodução

Grande mestre Helio Gracie sabiamente dizia: “No pescoço não há valente.” Para mais uma vez provar tal teoria, o atleta Lucas Pinheiro (AMBJJ) investiu no estrangulamento para garantir mais um ouro no currículo.

O lance rolou no Houston Open, realizado no último final de semana, no Texas. Na disputa do ouro peso-pluma, Lucas encarou Washington Lima (GFTeam) em duelo movimentado.

Para definir, ao chegar nas costas sem colocar os dois ganchos, Lucas escorregou para a montada, fez pegada profunda com a mão direita e colocou a cabeça no chão acima do oponente, para maximizar o torque contra o pescoço do adversário.

Confira a luta repleta de giro e a finalização no vídeo abaixo!

Estude a raspagem com armlock de Bruno Malfacine no Pan de Jiu-Jitsu

Bruno Malfacine vibra após finalizar no Pan de Jiu-Jitsu. Foto: Ivan Trindade/GRACIEMAG

Nove vezes campeão mundial no peso-galo, o astro Bruno Malfacine não se limita a lutar apenas no maior torneio da IBJJF. Adepto da competição, o craque da Alliance fez grandes apresentações em outros torneios de grande porte, e o Pan-Americano de Jiu-Jitsu foi um desses palcos.

No torneio do ano passado, antes de migrar para o MMA, o levinho deu um show em uma das quartas de final do torneio, ao enfrentar Chad Lundy. Depois de puxar para guarda ao segurar na gola num tiro de longa distância, Bruno aplicou uma raspagem da guarda de la riva e antes de concluir a inversão já saiu no braço, com o golpe que valeu a vitória. Horas depois, a fera conquistaria o ouro do torneio.

Reveja o lance no vídeo abaixo, estude as pegadas e a posição de Bruno Malfacine e aplique nos seus treinos!

Vídeo: Nathiely de Jesus e sua sorrateira chave de pé no Houston Open de Jiu-Jitsu

Nathiely com mais um ouro duplo para o currículo. Foto: Reprodução

Em ritmo frenético de competição, a faixa-preta Nathiely de Jesus, da equipe PSLPB Cícero Costha, mordeu mais um ouro duplo no último domingo, dia 11 de fevereiro, desta vez no Texas.

Em ação no Houston International Open, a competidora faturou não só o superpesado, ao subir no pódio sem adversárias, como também no absoluto.

Na final, Nathiely encarou a peso leve Kristin Mikkelson, da Brazil 021. Para vencer, a brasileira trabalhou com destreza da guarda aberta, e com movimento rápido enganchou o pé da oponente, trouxe para a lateral e partiu de uma só fez para a pegada da chave de pé.

Confira o lance no vídeo abaixo e os resultados em seguida!

Houston International Female Black Belt open class final

Uma publicação compartilhada por IBJJF (@ibjjf) em 11 de Fev, 2018 às 4:22 PST

Black / Adult / Male / Light-Feather 1 – Lucas dos Santos Pinheiro – AMBJJ – Alex Martins Brazilian Jiu-Jitsu 2 – Washington Luis do M. Lima – GF Team

 

Black / Adult / Male / Feather 1 – Thiago Augusto Araujo Macedo – Rodrigo Pinheiro BJJ 2 – Adam Paul Ferrara – GF Team 3 – João Alfredo Tavares Marinho – GF Team 3 – Samuel Braga Olivar da Cruz – Gracie Barra

 

Black / Adult / Male / Light 1 – Alexandre Faria Molinaro – Carlson Gracie Team 2 – Johnny Joachin Tama Apolinario – Alliance Ecuador 3 – Servando Almaraz – Gracie Barra 3 – Victor Silverio Santos – Gracie Barra

 

Black / Adult / Male / Middle 1 – Lucas Sette C. Valente Tobias – Gracie Barra 2 – Diego Dias Ramalho – Pablo Silva BJJ – ZR Team 3 – Igor Matosinho de Paiva – Soul Fighters BJJ 3 – Manuel Ribamar V. de Oliveira Filho – Soul Fighters BJJ

 

Black / Adult / Male / Medium-Heavy 1 – Gabriel Kitober Vieira – GF Team

 

Black / Adult / Male / Heavy 1 – Inacio Ferreira Gomes Neto – Gracie Barra 2 – Matthew Wilson – Presa Brazilian Jiu-Jitsu 3 – Charles Kilyan Mcguire – American Top Team BJJ 3 – Diego Gamonal Nogueira – Brazilian Top Team

 

Black / Adult / Male / Super-Heavy 1 – Tanner Wade Rice – Soul Fighters BJJ 2 – Alexandro Ceconi de Souza – Ceconi KMKZ

 

Black / Adult / Male / Ultra-Heavy 1 – Pedro Lucas Aguiar Araujo – Gracie Barra 2 – Rojelio Narvaez – Solis Martial Arts Club

 

Black / Adult / Male / Open Class 1 – Victor Silverio Santos – Gracie Barra 2 – Inacio Ferreira Gomes Neto – Gracie Barra 3 – Alexandro Ceconi de Souza – Ceconi KMKZ 3 – Tanner Wade Rice – Soul Fighters BJJ

Black / Adult / Female / Light 1 – Kristin Mikkelson – Brazil 021 International Black / Adult / Female / Heavy 1 – Nivia de Souza Moura – Gracie Gym Texas Black / Adult / Female / Super-Heavy 1 – Nathiely Karoline Melo de Jesus – PSLPB Cicero Costha Black / Adult / Female / Enum_WeightDivision_Open Class_Label 1 – Nathiely Karoline Melo de Jesus – PSLPB Cicero Costha 2 – Kristin Mikkelson – Brazil 021 International 3 – Nivia de Souza Moura – Gracie Gym Texas

O estudo sobre a montada continua na Renzo Gracie Online Academy

Esta semana, o curso de Jiu-Jitsu da Renzo Gracie Online Academy (RGOA) segue em busca da montada perfeita. Para isso, os professores Renzo Gracie e Paulo Guillobel demonstram técnicas infalíveis para você ter pleno domínio sobre o adversário, quando alcançar a posição de “máxima supremacia”. Você vai ser capaz de identificar o momento certo para atacar com golpes implacáveis, como esta chave americana ensinada por Renzo:

Americana da montada – Renzo Gracie

Retomando a montada – Paulo Guillobel Você também vai trabalhar com situações mais complexas e movimentações avançadas, como esta dinâmica de retenção da montada, ensinada por Paulo Guillobel, para você pôr em prática ao perceber que o adversário está prestes a escapar do seu domínio. Confira como Guillobel recua um pouco, reposicionando-se progressivamente, até retornar ao pleno controle sobre o oponente.



Qualidade de vida – Fábio Gurgel Esta semana, a Renzo Gracie Online Academy ainda oferece uma aula exclusiva sobre qualidade de vida com o general da Alliance, Fabio Gurgel. O faixa-preta ensina você a se organizar para conquistar as suas metas profissionais mais desafiadoras.



Não perca tempo! Vá ao site www.gallerr.com/rgoa e tenha acesso ao conteúdo completo do curso de Jiu-Jitsu mais sofisticado da Internet. Conheça nossos planos e seja aluno da Renzo Gracie Online Academy (RGOA).

Oss!  

Vídeo: Hugo Marques e Kaynan Duarte brilham no Spyder Invitational Jiu-Jitsu

Hugo Marques após vencer na final da divisão até 76kg. Foto: Divulgação

Para dar o pontapé inicial em sua temporada 2018, o Spyder Invitational BJJ Championship organizou uma peneira de elite, em evento realizado no último sábado, dia 10 de fevereiro.

Enquanto muitos pulavam o carnaval, nossas feras brasucas pisavam firme nos tatames de Seoul, na Coreia do Sul, para garantir sua vaga no torneio principal, que acontece em julho.

Na divisão acima de 76kg, o fenômeno Kaynã Duarte mais uma vez brilhou. O craque da Atos fez bonito e ficou em primeiro na sua divisão, seguido por Vinícius Ferreira (Alliance) e Victor Hugo (Ribeiro JJ).

Já na divisão até 76kg, foi a vez de Hugo Marques representar com sucesso a equipe Soul Fighter. O faixa-preta ficou em primeiro lugar na divisão. Em segundo, o faixa-roxa Victor Nithael mostrou que é mais um atleta da Nova União, sob a batuta do professor Rodrigo Feijão, que devemos ficar de olho. Em terceiro lugar na categoria ficou o também perigo Jonnathas Gracie, faixa-marrom da Atos.

Com estes seis atletas, temos completas as duas chaves para o torneio de julho, que vale os dois títulos do Spyder Invitational Jiu-Jitsu. Os nomes vencedores da qualificatória se juntarão aos campeões do ano passado e os convidados galácticos do torneio. Veja como fica cada categoria:

– 76kg
Shane Hill Taylor (Team Lloyd Irvin)
Wanki Chae (Beast Gym)
Paulo Miyao (Unity Jiu-Jitsu)
Hugo Marques (Soul Fighters)
Victor Nithael (Nova Uniao)
Jonnatas Gracie (Atos Jiu-Jitsu)

+ 76kg
Matheus Godoy (Alliance)
Rudson Mateus (Caio Terra Academy)
Keenan Cornelius (Atos Jiu-Jitsu)
Kaynan Duarte (AtosS Jiu-Jitsu)
Vinicius Ferreira (Alliance)
Victor Hugo (Ribeiro Jiu-Jitsu)

Portanto fique ligado no GRACIEMAG.com para a cobertura completa do Spyder Intivational Jiu-Jitsu, e para conferir as lutas da qualificatória, na íntegra, clique no vídeo abaixo.

Jiu-Jitsu: A kimura giratória de Tyson Pedro no UFC 221

Tyson Pedro vai firme na pegada da kimura para finalizar. Foto: Jeff Bottari/Zuffa LLC via Getty Images

Na abertura do card principal do UFC Perth, realizado no último sábado, dia 10 de fevereiro, o australiano Tyson Pedro teve a responsabilidade de vencer e convencer perante ao público local, já que lutava em casa. A receita para o sucesso garantido, é claro, foi o Jiu-Jitsu.

No duelo de meio-pesados, contra Saparbek Safarov, Pedro levava certa desvantagem no solo, ao cair de quatro apoios e receber duros golpes de Safarov. Ao se levantar, porém, conseguiu armar a arapuca que valeria a vitória.

Com Safarov pressionando na grade, cinturado na intenção de derrubar, Pedro fez a pegada da kimura e, para concluir o arrocho, aplicou um giro com o corpo que o fez sair da desvantagem da grande para cair por cima. De lá, o australiano apenas passou a perna por cima de Safarov e melhorou o ajuste da alavanca para finalizar.

Confira o lance no vídeo abaixo e melhore seu posicionamento da kimura com um exemplo prático do golpe!

.

UFC 221
Perth, Austrália
10 de fevereiro de 2018

Yoel Romero nocauteou Luke Rockhold a 1min48s do R3
Curtis Blaydes venceu Mark Hunt na decisão unânime dos jurados
Tai Tuivasa nocauteou Cyril Asker aos 2min18s do R1
Jake Matthews venceu Li Jingliang na decisão unânime dos jurados
Tyson Pedro finalizou Saparbek Safarov na kimura aos 3min54s do R1

Card preliminar

Dong Hyun Kim venceu Damien Brown na decisão dividida dos jurados
Israel Adesanya venceu Rob Wilkinson por nocaute técnico aos 3min37s do R2
Alex Volkanovski venceu Jeremy Kennedy por nocaute técnico aos 4min57s do R2
Jussier Formiga finalizou Ben Nguyen no mata-leão a 1min43s do R3
Ross Pearson venceu Mizuto Hirota na decisão unânime dos jurados
José Quinonez venceu Teruto Ishihara na decisão unânime dos jurados
Luke Jumeau venceu Daichi Abe na decisão unânime dos jurados

Vídeo: Yoel Romero aplica nocaute brutal em Luke Rockhold no UFC 221

Romero nocauteia Rockhold e corre para o abraço no UFC Perth. Foto: Jeff Bottari/Zuffa LLC via Getty Images

Em noite de grandes lutas, o UFC pisou pela primeira vez em Perth, na Austrália. O evento, realizado nesse sábado, dia 10 de fevereiro, teve na luta principal o duelo entre Yoel Romero e Luke Rockhold, no qual apenas Rockhold poderia sair com o cinturão interino dos pesos médios. Mas quis o destino que tudo mudasse de figura.

Sem bater o peso na sexta-feira, Romero foi punido com 30% de sua bolsa e, mesmo vencendo o duelo de sábado, não ficaria com o título interino e a chance de enfrentar Robert Whittaker, campeão linear da divisão. Contudo, uma vitória contundente poderia colocar o cubano de volta aos trilhos da disputa de cinturão, e foi o que aconteceu.

No terceiro assalto, round preferido de Romero para finalizar seus combates (sete deles, no total), o cubano bom de boxe avançou e soltou uma dura pedrada de canhota na têmpora de Rockhold, que foi lançado à grade com a potência do golpe. Caído e ainda desnorteado, Luke abriu a guarda e engoliu um upper brutal, que levou o americano ao nocaute a 1min48s da etapa. Mesmo sem a disputa garantida pelo cinturão interino, Dana White já revelou o interesse de casar Romero contra Whittaker para o próximo duelo no cinturão peso médio.

Outros destaques do card ficaram para a vitória de Curtis Blaydes sobre o local Mark Hunt na luta coprincipal, na decisão, e para as finalizações de Jussier Formiga (mata-leão) e Tyson Pedro (kimura).

Confira abaixo o nocautaço de Romero sobre Rockhold e os resultados completos do UFC em Perth!

.

UFC 221
Perth, Austrália
10 de fevereiro de 2018

Yoel Romero nocauteou Luke Rockhold a 1min48s do R3
Curtis Blaydes venceu Mark Hunt na decisão unânime dos jurados
Tai Tuivasa nocauteou Cyril Asker aos 2min18s do R1
Jake Matthews venceu Li Jingliang na decisão unânime dos jurados
Tyson Pedro finalizou Saparbek Safarov na kimura aos 3min54s do R1

Card preliminar

Dong Hyun Kim venceu Damien Brown na decisão dividida dos jurados
Israel Adesanya venceu Rob Wilkinson por nocaute técnico aos 3min37s do R2
Alex Volkanovski venceu Jeremy Kennedy por nocaute técnico aos 4min57s do R2
Jussier Formiga finalizou Ben Nguyen no mata-leão a 1min43s do R3
Ross Pearson venceu Mizuto Hirota na decisão unânime dos jurados
José Quinonez venceu Teruto Ishihara na decisão unânime dos jurados
Luke Jumeau venceu Daichi Abe na decisão unânime dos jurados

A pressão e o leglock sorrateiro de Bernardo Faria no Pan de Jiu-Jitsu

Bernardo Faria vibra com sua vitória no Pan de Jiu-Jitsu. Foto: Ivan Trindade/GRACIEMAG

Tricampeão mundial de Jiu-Jitsu, com um ouro absoluto em 2015, Bernardo Faria entrou na lista de grandes nomes da arte suave com seu jogo perigoso de pressão e finalizações.

Um exemplo do seu estilo agressivo foi mostrado no Pan-Americano de Jiu-Jitsu de 2012, há seis anos. Em ação no superpesado, Bernardo encarou Diogo Almeida e trabalhou forte por cima, com passagens de guarda, montada e pegada de costas.

Para vencer o duelo, no entanto, Bernardo teve que aplicar uma finalização surpresa. Ao dominar a perna de Diogo para passar, o craque da Alliance fez a alavanca no joelho a partir da meia-guarda, e finalizou num sorrateiro leglock.

Relembre no vídeo abaixo e aqueça as turbinas para o Pan de Jiu-Jitsu 2018!

Rodolfo Vieira encara alemão em sua terceira luta de MMA, no ACB em São Paulo

Rodolfo em sua luta mais recente no MMA. Foto: Carlos Arthur Jr.

Campeão mundial absoluto de Jiu-Jitsu, campeão do ADCC e astro da arte suave mundial, Rodolfo Vieira tem novo compromisso marcado no MMA, agora em nova casa. Após confirmar sua assinatura de contrato com o Absolut Championship Berkut, organização que realiza torneios de Jiu-Jitsu e MMA, Rodolfo já tem data e adversários marcados para entrar em ação no cage. As informações são do Combate.com.

O faixa-preta da GFTeam integra o card do ACB MMA 82, agendado para o dia 9 de março, em São Paulo. Seu adversário será o alemão Alexander Neufang, que tem cinco lutas na carreira, com três vitórias e duas derrotas. Rodolfo, com cartel invicto de dois sucessos, ambos por finalização (mata-leão e kata-gatame), terá contra Neufang seu primeiro desafio na divisão de pesos médios, já que em suas duas lutas anteriores o brasileiro atuou como meio-pesado.

Na luta principal, Thiago Silva encara Mikhail Kolobegov, enquanto outros nomes conhecidos do cenário, como Daniel Sarafian, Thiago Gaia, Ary Farias, Wendell Negão e José Maria Sem Chance também estarão lutando no evento.

Confira a lista de lutas parcial do ACB 82 e poste nos comentários: será que Rodolfo terá sucesso também na divisão até 84kg? Comente conosco!

ACB 82
São Paulo, SP
9 de março de 2018

Thiago Silva x Mikhail Kolobegov
Carlos Eduardo Cachorrão x Daniel Sarafian
Matheus Mattos x Naskho Galaev
Rodolfo Vieira x Alexander Neufang
Otávio Besouro x Marcos Rodrigues dos Santos
Herdeson Batista x Christos Giagos
Brett Cooper x André Chatuba
Ary Farias x Saimon de Oliveira
Wendell Negão x Leonardo Macarrão
José Maria Sem Chance x Maycon Silva
Allan Puro Osso x Danilo Adreani
Roberto Neves x Adilson Fernandes
Thiago Gaia x Walter Pereira Jr.
Gregory Milliard x Alexandre Hoffmann
Breno Bispo x Antônio Carlos Ribeiro
Emerson Rios x Vinícius Barqueta

Vídeo: O que esperar de Luke Rockhold x Yoel Romero pelo cinturão do UFC 221?

Banner oficial do UFC 221 com as lutas principais da noite. Foto: Divulgação

O UFC atraca pela primeira vez em Perth, na Austrália, e quer fazer bonito em seu debute na cidade. Para o UFC 221, que rola neste sábado, dia 10 de fevereiro, a luta principal terá dois dos mais temidos pesos médios do planeta, lutando com todas as suas forças em busca do cinturão interino da divisão. O evento será transmitido ao vivo pelo Combate, a partir das 21h.

Ex-campeão da divisão, após perder o título para o azarão Michael Bisping, Luke Rockhold está com pressão total para recuperar o seu trono nos meio médios. Do outro lado, Yoel Romero, cubano com base forte no boxe e wrestling, tem na luta contra Rockhold a sua chance mais clara de se tornar campeão do Ultimate e, aos 40 anos de idade, pode ser seu último tiro em busca do seu maior sonho.

Ainda no card, o local Mark Hunt parte para encarar o novato Curtis Blaydes. Com seu poder de nocaute conhecido e temido por mais de uma década, o “Super Samoan” busca mais uma vez chocar o cenário do MMA com suas mãos. Só que, do outro lado, Blaydes chega embalado na divisão dos pesos pesados, com apresentações poderosas no octógono.

Ficou curioso sobre o que esperar do evento deste sábado? Confira no vídeo abaixo um apanhado geral do cenário para o UFC 221 e deixe suas apostas nos comentários!

UFC 221
Perth, Austrália
10 de fevereiro de 2018

Yoel Romero x Luke Rockhold
Mark Hunt x Curtis Blaydes
Tai Tuivasa x Cyril Asker
Jake Matthews x Li Jingliang
Tyson Pedro x Saparbek Safarov

Card preliminar

Damien Brown x “Maestro” Dong Hyun Kim
Rob Wilkinson x Israel Adesanya
Alex Volkanovski x Jeremy Kennedy
Jussier Formiga x Ben Nguyen
Ross Pearson x Mizuto Hirota
Teruto Ishihara x José Quiñonez
Luke Jumeau x Daichi Abe

Campeão do Ryan’s Way Challenge, Nandão Fernandes ensina raspagem com finalização

Fernando Fernandes posa ao lado da foto do professor Ryan Gracie. Foto: Divulgação

Bicampeão do Ryan’s Way Challenge, disputa que é marcada como ponto alto do Inter Gracie, Fernando Fernandes, o Nandão, provou o seu valor em dois anos consecutivos da torneio, e não é para menos.

Dono de um jogo justo, o faixa-preta da equipe Ryan Gracie gosta lutar para frente, sempre com o objetivo de finalizar. Para dar um exemplo prático do seu estilo, Nandão gravou para GRACIEMAG uma transição que termina com estrangulamento.

Na aula, gravada da Ryan Gracie Butantã, Nadão mostra sua opção de raspagem da guarda-laçada, que termina por cima no cem-quilos. Da posição de vantagem, Nandão mostra os detalhes para estrangular rápido e garantir a vitória.

Veja a posição no vídeo abaixo!

Márcio Macarrão e a emoção de estar no córner do filho Neiman Gracie no Bellator

Márcio Stambowsky (esq.) com o filho Neiman, Renzo e Royce Gracie no Bellator. Foto: Divulgação

Como você se sentiria, emotivo leitor, se estivesse no córner do seu próprio filho, numa luta de MMA? Fizemos essa pergunta ao mestre faixa-vermelha-e-branca Marcio Stambowsky, o “Macarrão”, pai do lutador Neiman Gracie.

Invicto no MMA com sete sucessos, vindo de três finalizações consecutivas no Bellator, Neiman é um dos grandes nomes brasileiros na organização, e claro representante do nosso Jiu-Jitsu. Mestre Macarrão, nosso GMI em Connecticut, nos Estados Unidos, à frente da academia Gracie Sports USA, explicou o sentimento de estar do lado de fora do cage enquanto vê o filhão em batalhas acirradas na organização de MMA.

“Olha, cada luta dele tem sido um aprendizado imenso”, revelou mestre Macarrão. “É uma adrenalina gigantesca, mas acho que estou conseguindo administrar melhor esse nervosismo a cada combate. Já fui córner dele umas quatro vezes, mas realmente não gosto. O que me acalma um pouco é perceber que a determinação, a garra e a vontade dele são grandes e genuínas. E, claro, o fato de que ele está treinando sempre muito forte com seus companheiros, lá no time duríssimo do Renzo em Nova York, isso me passa mais tranquilidade, pois vejo que ele está pronto para os desafios que aparecem.

“Quando ele me vê nervoso, diz: ‘Pô, pai, fica nervoso não que estou de boa’. Sou fã do Neiman, tenho muito orgulho dele. E, quando um pai vê que o filho se dedicou para estar ali, e realmente gosta do que está fazendo, a adrenalina dá lugar a outros sentimentos. Acredito que o ingrediente mais importante para você atingir o sucesso em qualquer atividade da vida é o amor. Ter amor por alguma coisa é o primeiro passo, só assim você passa a se dedicar, de fato, a tentar fazer da melhor maneira, a procurar se superar e aprender cada detalhe. E isso eu percebo que o Neiman tem dentro dele.”

E você, amigo leitor, como se sente ao ver um amigo ou familiar em ação numa luta, seja no Jiu-JItsu ou até no MMA? Poste nos comentários e fique ligado nos canais Fox Sports para conferir todas as emoções do Bellator MMA!

Cris Cyborg é escalada para defender cinturão e “salvar” o UFC 222

Banner que anuncia oficialmente o duelo entre as feras no UFC 222. Foto: Divulgaçao

Com a bruxa solta no mundo do MMA, o Ultimate teve que se movimentar para dar mais peso ao UFC 222, que rola no dia 3 de março, em Las Vegas.

Depois da queda de Max Holloway, campeão peso-pena que se lesionou nos treinos e não encara mais Frank Edgar pelo cinturão, o UFC escalou Cris Cyborg, e o seu cinturão peso-pena entra em jogo.

A adversária será Yana Kunitskaya, russa de 28 anos, ex-campeã peso-galo do Invicta que acumula um cartel com dez vitórias e três derrotas. Já Cris, com 19 vitorias e uma derrota, vem de retrospecto impressionante, sem saber do gosto amargo da derrota desde 2005, em sua estreia no MMA.

Para Frankie Edgar, o UFC escalou Brian Ortega, jovem invicto no UFC, para realizar a eliminatória até o cinturão até 66kg de Holloway.

O evento, transmitido ao vivo pelo Combate, conta ainda com a estreia de Mackenzie Dern no UFC e com o duelo de Ketlen Vieira contra Cat Zingano. Confira o card completo!

UFC 222
Las Vegas, Nevada
3 de março de 2018

Cris Cyborg x Yana Kunitskaya
Frankie Edgar x Brian Ortega
Sean O’Malley x Andre Soukhamthath
Stefan Struve x Andrei Arlovski
Cat Zingano x Ketlen Vieira
Beneil Dariush x Bobby Green
John Dodson x Pedro Munhoz
CB Dollaway x Hector Lombard
Mackenzie Dern x Ashley Yoder
Bryan Caraway x Cody Stamann
Jordan Johnson x Adam Milstead

Marcus Meira ensina raspagem da guarda fechada com armlock na Action Jiu-Jitsu

Professor Marcus Meira mostra os detalhes da sua raspagem da guarda fechada. Foto: Reprodução

Professor na Action Jiu-Jitsu School, nossa GMI na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, o faixa-preta Marcus Meira tem à sua disposição algumas posições de fácil aplicação e funcionalidade justa, que podem cair como uma luva no seu jogo.

Na posição de hoje, Marcus escalou o amigo Luiz Alves, e mostrou uma raspagem da guarda fechada que termina com um armlock sorrateiro após cair na montada. Para executar a inversão, o professor laça o braço adversário dominando a gola cruzada. Depois, usa as pernas da guarda fechada para puxar o oponente e criar espaço para aplicar o ganchos, para depois pendular e cair montado. Sem soltar a pegada no braço, o professor ajusta no cotovelo inimigo, levanta a perna oposta e cria a alavanca necessária para finalizar.

Veja os detalhes da movimentação, pegadas e posições com o Marcus Meira e coloque mais esta opção no seu jogo da guarda fechada!

GRACIEMAG #252 – Rickson Gracie e o novo desafio do Samurai

A GRACIEMAG #252 já está disponível em sua versão digital e a partir do dia 15 de fevereiro nas bancas de todo o Brasil.

Para conferir tudo o que a revista dedicada ao Jiu-Jitsu mais lida do Brasil tem a oferecer este mês, acesse www.graciemagshop.com.br e faça já sua assinatura.

Boa leitura e bons treinos!

Pages